O Guia Da Luz

Santo André foi o primeiro dos 12 apóstolos a ser discípulo de Cristo. A sua vida foi inteiramente dedicada a espalhar a fé tendo morrido como mártir. A Ladainha a Santo André tem como fim pedir auxilio urgente para resolver qualquer problema. Deve ser rezada durante 7 dias, iniciando o ciclo de oração a um Domingo.

Ladainha a Santo André

Senhor, tende piedade de nós.
Jesus Cristo, tende piedade de nós.
Senhor, tende piedade de nós.

Jesus Cristo, ouvi-nos.
Jesus Cristo, atendei-nos.

Deus Pai, tende piedade de nós.
Deus Filho, Redentor do Mundo, tende piedade de nós.
Deus Espírito Santo, tende piedade de nós.
Santíssima Trindade, que sois um só Deus, tende piedade de nós.

Santa Maria, rogai por nós.

Santo André, rogai por nós.
Ilustre descendente de Davi, rogai por nós.
Primeiro Apóstolo, rogai por nós.
Irmão de Pedro, rogai por nós.
Vós que levastes Pedro a Jesus, rogai por nós.
Insigne defensor de Cristo, rogai por nós.
André justíssimo, rogai por nós.
André castíssimo, rogai por nós.
André prudentíssimo, rogai por nós.
André fortíssimo, rogai por nós.
André obedientíssimo, rogai por nós.
André fidelíssimo, rogai por nós.
Amador da pobreza, rogai por nós.
Amparo das famílias, rogai por nós.
Alívio dos infelizes, rogai por nós.
Esperança dos enfermos, rogai por nós.
Padroeiro dos pescadores, rogai por nós.
Terror dos demónios, rogai por nós.

Cordeiro de Deus, que tirais o pecado do mundo, perdoai-nos Senhor.
Cordeiro de Deus que tirais o pecado do mundo, ouvi-nos Senhor.
Cordeiro de Deus que tirais o pecado do mundo, tende piedade de nós.

Oremos:
Ó Deus, que, por uma infalível providência, Vos dignastes escolher o bem-aventurado Santo André para ser o primeiro discípulo do vosso Filho, concedei-nos que aquele mesmo que na terra veneramos como protector, mereçamos tê-lo no Céu, como intercessor. Vós que viveis e reinais por todos os séculos dos séculos.
Ámen

 

Quem foi Santo André?

Santo André foi um dos doze apóstolos de Jesus Cristo. Foi o primeiro a recrutar apóstolos para o Messias. No Novo testamento é sempre citado entre os quatro primeiros, junto com João, Tiago e seu irmão Pedro.

Santo André nasceu em Betsaida, às margens do lago de Genesaré, na Galileia. Era filho de Jonas, pescador local, e irmão de Pedro, que também é conhecido como Simão. Santo André era discípulo de João, que pregava a vinda do Messias, que iria libertá-los da miséria e da dominação estrangeira.

O Evangelho de São João relata o primeiro encontro de André com o Filho de Deus, em seus primeiros dias de revelação, após o baptismo no Rio Jordão: “No dia seguinte, João aí estava de novo, com dois discípulos”. “Vendo Jesus que ia passando, apontou”: “Eis aí o Cordeiro de Deus”. “Ouvindo essas palavras, os dois discípulos seguiram a Jesus”. “Jesus virou-se para trás, e vendo que o seguiam, perguntou: O que é que vocês estão procurando?” “Eles disseram: Rabi (que quer dizer Mestre), onde moras?” “Jesus respondeu: Venham, e vocês verão.” “Então eles foram e viram onde Jesus morava. E começaram a viver com ele naquele mesmo dia. Eram mais ou menos quatro horas da tarde.” (João 1, 35-36-37-38-39).

São João continua relatando: “André, irmão de Simão Pedro, era um dos dois que ouviram as palavras de João e seguiram a Jesus. Ele encontrou primeiro o seu próprio irmão Simão, e lhe disse: Nós encontramos o Messias. Então André apresentou Simão a Jesus.” (João 1, 40-41-42).

Desde daquele momento, os dois irmãos tornaram-se discípulos de Cristo e deixaram tudo para seguir Jesus. No começo da vida pública de nosso Senhor ocuparam a mesma casa em Cafarnaum. Segundo as Escrituras, André esteve sempre próximo a Cristo durante sua vida pública. Esteve presente na Última Ceia, viu o Senhor Ressuscitado, testemunhou a Ascensão, recebeu graças e dons no primeiro Pentecostes.

Santo André ajudou, entre grandes ameaças e perseguições, a estabelecer a Fé na Palestina. Alguns historiadores relatam que ele provavelmente tenha passado por Cítia, Épiro, Acaia e Hélade. Para Nicéforo ele pregou na Capadócia, Galácia e Bitínia, e esteve em Bizâncio, onde determinou a fundação da Igreja local e apontou São Eustáquio como primeiro bispo.

Finalmente esteve na Trácia, Macedónia, Tessália e mais uma vez em Acaia, onde ele formou um grande rebanho e fundou a comunidade cristã de Patras, um dos modelos de Igreja nos primeiros tempos. Segundo a tradição, André foi crucificado em Patros da Acaia, cidade na qual havia sido eleito bispo, durante o reinado de Trajano, por ordem do pró-cônsul romano, Egeias. Foi amarrado, a uma cruz em forma de X, que ficou conhecida como a “Cruz de Santo André”. Suas relíquias foram transferidas de Patros para Constantinopla e depositadas na Igreja dos Apóstolos, tornando-se padroeiro desta cidade. Quando Constantinopla foi tomada pelos franceses no início do século XIII, o Cardeal Pedro de Cápua levou as relíquias para a Itália e as colocou na Catedral de Amalfi, onde ainda permanecem.

Santo André é honrado como padroeiro da Rússia e Escócia e no calendário católico é comemorado no dia 30 de Novembro, data de seu martírio.

Artigos Relacionados

Sobre o autor Ver todos os artigos

O Guia Da Luz

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Não perca uma pitada do nosso site!
Subscrever á Newsletter
Seja o primeiro a receber as últimas actualizações e conteúdo exclusivo directamente na sua caixa de entrada de e-mail.
Subscrever
Experimente, você pode cancelar a inscrição a qualquer momento.
close-link

Bem Vindos

Você não nos encontrou por acaso. A ajuda que você precisa pode estar bem aqui. Entre em contacto e desabafe sobre os seus problemas. Garantimos dar o melhor de nós para ajudar você a resolver todos os seus obstáculos. Sob a luz dos vossos Guias.
CONTACTE-NOS!
close-link
Será destino?
%d bloggers like this: