O Guia Da Luz

Mikao Usui nasceu em 15 de agosto de 1865 no povoado de Taniai, distrito de Yamagata, pertencente à província de Gifu, no Japão. Por ter estudado e viajado muito, acredita-se ter pertencido a uma rica família japonesa, o que era usual no Japão.

Até 1850, o Japão estava fechado para o mundo ocidental, pois até então, o Japão era uma sociedade fechada. Isto fez com que os EUA forçassem o Japão a abrir seus portos e sua economia ao resto do mundo. Esta abertura trouxe uma torrente de idéias novas e tradições de todo o mundo para dentro do país.

O Japão entrou em um período de rápida industrialização, transformando-se em uma nação industrializada habilitada a competir com o restante do mundo em um período de 30 a 40 anos. Esta mudança criou um verdadeiro clima de necessidade em manter a cultura tradicional e a necessidade de reacender e manter velhas tradições. Usui cresceu durante este período.

Presume-se que, durante sua juventude aprendeu Kiko no templo budista Tendai, situado no sagrado monte Kurama, ao norte de Kioto.

Kiko é a variante japonesa do Qi Gong, uma série de exercícios cujo objetivo é melhorar a saúde através da meditação, das técnicas respiratórias e dos movimentos lentos. No método curativo Kiko é possível armazenar, através de exercícios correspondentes, uma provisão de energia que será utilizada no processo de curar. Se não se usa este método, acaba-se extenuado, já que o Kiko nutre também a própria energia pessoal. Este ponto foi importante para o Dr. Usui e cresceu como uma semente em seu pensamento.

Na fase adulta trabalhou como homem de negócios e servindo como secretário particular do político Shinpei Goto, diretor da carteira de Saúde e Bem estar e, mais tarde, prefeito de Kyoto. Nesta atividade, Dr. Usui conheceu gente muito influente no Japão. Estes contatos o ajudaram a tornar-se independente e, finalmente, vir a ser um próspero homem de negócios.

Durante um tempo foi muito bem nos negócios, mas a partir de 1914 as coisas tomaram outro rumo. Como tinha certos conhecimentos sobre o budismo, decidiu converter-se num monge budista.

Concentrou-se nessa prática e regressou ao monte Kurama, onde havia estudado ainda rapaz.

Usui estava buscando a iluminação (Anjin Ryumei). Qual o propósito da vida? Como estar em estado permanente de Paz?

Usui ficou em um mosteiro Zen por três anos, tentando alcançar esta meta trabalhando arduamente em serviços comuns para que houvesse a libertação do ego. Finalmente, procurou um mestre Zen para aconselhá-lo em como alcançar a iluminação e a orientação foi de que a única maneira de se alcançar a iluminação após esses 3 anos de serviços no mosteiro, seria através da experiência da morte.

Decidiu então fazer um retiro por 21 dias, jejuando, cantando, rezando e meditando. Usui foi ao Monte Kurama para morrer.

Em março de 1922, ao fim do seu período de recolhimento, sentiu penetrar em sua cabeça uma poderosa Luz espiritual, experimentando, assim, o Anjin  Ryumei, uma  vivência reveladora. Esta Luz era o Reiki, que chegou sob forma de sintonização. Pelo ocorrido, sua consciência começou a expandir-se mais e mais e ele concluiu que estava possuído por uma força poderosa, porque podia curar as pessoas sem precisar usar sua própria energia para isto.

O Monte Kurama, onde Usui passou por seu “Anjin Ryumei” (estado permanente de Paz) é uma montanha sagrada. Fica perto de Kyoto e é o coração espiritual do Japão, um lugar com vários templos representando uma enorme variedade de divindades. Dizem ser o lugar onde os espíritos da montanha deram os segredos da luta aos samurais.

Após ter tido esta experiência, Usui checou com o abade no mosteiro Zen se o que aconteceu com ele tinha mesmo sido uma iluminação e após a confirmação recebeu a orientação de sair e ensinar e foi o que ele fez.

Ele mesmo diz que enquanto estava sentado lá, teve a sensação de que foi atingido por uma Luz, ficou inconsciente, não sabe por quanto tempo e quando voltou a si ele sentiu seu corpo completamente revigorado, cheio de Luz e que descendo o Monte Kurama ele percebeu que de suas mãos saia uma energia de cura.

Pelo ponto de vista budista, o propósito disto é transmitir para outras pessoas.

Nós não sabemos exatamente que ramo do budismo era praticado por ele. Sabe-se que ele estava num mosteiro Zen e sabe-se que ele está enterrado num túmulo de um cemitério do Budismo Terra Pura.

Em abril de 1922 viajou a Tókio, onde criou a Usui Reiki Ryoho Gakkai (Sociedade do Sistema Usui de Reiki). Abriu uma clínica em Jarajuku nas imediações do belo Meiji Jingu (santuário Meiji) no centro de Tókio e ali começou a fazer conferências e a praticar Reiki.

Usui sensei primeiramente começou a praticar Reiki consigo mesmo, mais tarde com os membros da sua família.

O sistema era sobre dar cura às pessoas, ensiná-las como se curar, prover exercícios e ensinamentos energéticos. A maneira com que Usui fez tais coisas parece um pouco indefinida, baseada em compromisso progressivo de sessões semanais de treinamento, um tanto quanto da maneira como as artes marciais são ensinadas.

Desenvolveu seis níveis de Reiki ou graus de formação, (segundo Fumio Ogawa). Numerou estes seis níveis na ordem inversa da usada no Ocidente. O primeiro nível era o de número seis e o nível superior o de número um. Os primeiros quatro níveis, do seis ao três, correspondem ao que Hawayo Takata ensinava como Reiki I. O correspondente ao Reiki II subdividia-se em duas partes e o último nível, o número um, correspondia ao Reiki III (Mestre), ou grau de Professor (Shihan).

Reiki é uma técnica curativa gentil e poderosa que pode ser passada como presente de uma pessoa para outra, e não é baseada na idéia de gurus ou grande mestre a quem alguém teria que prestar homenagem.

Esse tempo entre a iluminação e o inicio da Gakkai é muito curto, provavelmente ele tenha tido outras experiências no passado, alguns fatores temporariamente somados a esses 3 anos num mosteiro Zen. Ele estava muito bem preparado se realmente pensarmos em 21 dias somente para a iluminação, ele precisaria de muitos anos para integrar tudo isso. Isso não deve ter sido um incidente isolado. Provavelmente tenha tido alguns momentos fortes antes, na vida dele, mas não se sabe nada a respeito ainda.

Usui dizia que seu sistema era totalmente novo e original, que não aprendeu de ninguém e que também não praticava nada para chegar a esse resultado. Só se pode repetir o que ele dizia a respeito, de outro lado sem dúvidas temos coisas similares em todo o mundo.

Dr. Usui ensinou a mais de 2000 alunos e formou 20 professores de Reiki. Faleceu em 9 de março de 1926, aos 60 anos, de uma apoplexia cerebral, enquanto dava uma aula de Reiki em Fukuyama.

Foi enterrado ao lado do Templo Saioji, em Suginami-Ku, Tókio. Seus alunos colocaram junto à sua tumba um memorial de pedra, onde está descrita sua vida e obra com o Reiki.

De acordo com sua pedra memorial, Usui foi um “curador” bem conhecido e popular, e ensinou um grande número de pessoas por todo o Japão.

O Reiki no Ocidente

Em 1925, um ano antes da morte de Usui, Dr. Chujiro Hayashi foi treinado Shihan por Usui. Nós sabemos disso como um fato real porque eles têm uma foto do Usui junto com Chujiro Hayashi, a data e todos os mestres que ele iniciou e Hayashi foi um deles.

Em 1925 por uma razão estranha, Usui disse a Hayashi que ele deveria deixar a Usui Reiki Ryoho Gakkai e deveria começar uma associação nova. Isso foi feito e Hayashi denominou a sua associação de “Hayashi ReikiKenkyukai”, isso significa algo parecido como grupo de prática de Reiki Hayashi.

Não se sabe por que ele fez esse pedido a Hayashi e, exatamente devido a esse motivo nós estamos aqui hoje, porque foi através do Dr. Hayashi e claro, através dos seus alunos como a Sra. Takata, por exemplo, que o Reiki se espalhou por todo o mundo. Muito estranho a forma como se moveu essa energia! Se Hayashi permanecesse na Associação Usui talvez tivesse somente uns quatrocentos membros usando o Reiki hoje no mundo. Nós não sabemos exatamente o que levou Usui a fazer esse pedido a ele, mas talvez ele tenha tido uma intuição, talvez para se assegurar de que houvesse uma ramificação, outra escola.

O que nós sabemos é que não houve nenhuma agressão ou que ele tivesse saído de uma maneira irresponsável da Associação. A Hayashi Reiki Kenkyukai se tornou maior que a Usui Reiki Ryoho Gakkai.

Usui faleceu em março de 1926 e Hayashi era uma pessoa que tinha muito boas relações, ele era médico, ele não teria nenhum problema em praticar o Reiki de uma maneira aberta, e assim ele tinha uma vantagem em relação aos outros que a maior parte não tinha. Abriu uma clínica e clínica no Japão significa algo como o local onde o médico atende, não significa algo com quatrocentas camas, por exemplo. Ele tinha nessa clínica oito macas, não era uma coisa muito grande, mas ele era muito bom no Reiki, ele tinha muito sucesso em cura e assim foi convidado a ensinar o Reiki por todo o país e começou a formar novos grupos em diversas cidades do Japão.

Em 1935, mais ou menos, a Sra. Hawayo Takata descendente de japoneses nascida nos EUA (Hawai) se dirigiu ao Japão para se submeter a uma cirurgia e não se sabe exatamente qual era o motivo dessa cirurgia. Um pouco antes dessa operação é dito que ela ouviu uma “voz” dizer que a cirurgia não era necessária e assim ela perguntou ao cirurgião se ele conhecia algum outro método de cura o qual lhe deu uma resposta afirmativa, mas que o outro tratamento requeria maior tempo para a cura. Ela então foi apresentada ao Dr. Hayashi que tratou dela por um ano.

Ela ficou bem de saúde e quis aprender dele, mas pelo fato de ela ser americana ficaria muito difícil ao Dr. Hayashi para ensinar a ela e mesmo se ele quisesse as pessoas que o rodeavam não gostavam muito da idéia. Mas a Sra. Takata não deixou isso de lado e mediante a sua insistência o Dr. Hayashi ensinou a Sra. Takata que recebeu o seu ensinamento de Professora de Reiki em 1938.

Voltando para casa ela convidou o Dr. Hayashi e lá ele deu vários cursos, iniciou várias pessoas e em 1940 faleceu.

Artigos Relacionados

Sobre o autor Ver todos os artigos

O Guia Da Luz